Quer mais feriados?

Hoje gostava de me focar no fenómeno dos feriados.

A questão que se põe é:

“Mas afinal quando é que isto pára?”

Deve ser a questão mais presente nas mentes dos Comerciais e Directores Comerciais deste País à beira mar plantado.

Com tanto feriado, torna-se difícil conciliar o desejo de férias com o “desejo” de trabalhar e atingir os tão esperados objectivos de vendas.

Tempo para marcação ou realização de reuniões, não existe.

Tempo para atender os comerciais que tentam saber dos seus negócios, também não.

Tempo para…

Enfim, parece que hoje em dia não existe tempo para nada.

Como Comercial que continuo a ser, a vontade era ter uma varinha de condão e parar o País por uma semana e acumular todos os feriados num só “mega feriado”.

Assim, pelo menos, parava tudo de uma vez e quando regressássemos deste “mega feriado” todos retomaríamos ao trabalho e voltaria a existir tempo para tudo o que necessitamos no âmbito comercial.

Mas como parece que esta realidade só se deverá verificar num qualquer universo paralelo…

Vamos então continuar a andar completamente dessincronizados.

Quando os clientes têm disponibilidade, os vendedores estão de férias.

Quando os vendedores estão de férias, os clientes estão de férias.

Mas será que ninguém percebe o mal que isto faz à economia?

Principalmente numa época que se “diz” de crise.

Estamos em crise, logo, qual é a coisa mais lógica que podemos fazer?

Logo, vamos de férias. (Passo a publicidade).

De facto, tem lógica.

Fica a ideia, quem sabe um dia podemos então criar o famoso “mega feriado”.

Voltando à nossa realidade (sim, a dos feriados), como é que está a gerir toda esta situação na sua actividade comercial ou na sua empresa?

Depois de analizarmos este tema por algum tempo, chegou-se à conclusão de que nem todos os nossos clientes iriam de férias.

Nestas situações é muito simples cair no jogo das desculpas.

Quer algumas?

– Não fechamos negócio porque os clientes não estão disponíveis;
– Não consegui marcar reuniões esta semana, porque os clientes foram de férias;
– Esta semana não dá, o País está parado.

Quer mais?

Penso que não seja preciso.

Esta é a realidade com que nos debatemos todos os dias.

Gerir uma situação destas não é fácil e por vezes os comerciais até têm razão.

Mas nem sempre.

É muito simples baixar os braços e pegar numa das desculpas acima apresentadas.

Mas se por um lado uma parte dos Clientes vai de férias, por outro os que ficam têm até uma semana mais calma.

Não existe tanto trânsito.

Não existe tanto stress.

Foi mais fácil levar os miúdos à escola.

Estão portanto mais calmos e muitas vezes mais acessíveis.

Á semelhança das férias, em que nem toda a gente pára em Julho e Agosto, torna-se uma oportunidade para, por vezes, ter acesso aos clientes aos quais até ao momento ainda não conseguimos ter acesso.

A ideia é não nos deixarmos cair no erro de:

“Vamos sentar-nos e esperar que passe…”.

Faça uma lista de 21 clientes com os quais ainda não conseguiu ter uma reunião.

Agora ordene-os por ordem de importância e de seguida toca a trabalhar.

Vamos tentar marcar reuniões com todos eles.

Quando tiver uma nova semana com feriados, experimente, o que é que tem a perder?

De qualquer modo, em situações normais, também nunca conseguiu chegar às falas com eles, por isso tudo o que venha à rede é “Lucro”.

No Responses

  1. Pingback: domelhor.net Terça-feira, 13 Maio 2008

Add Comment